Alerta IBRADAT sobre golpes nos servidores públicos

Os servidores públicos de Goiás estão sendo alvo de golpes cibernéticos. É o que constata denúncias realizadas ao Instituto Brasileiro de Dados, Auditoria e Transparência – IBRADAT.

Servidores públicos filiados ao Instituto e até de outras entidades tem reportado ligações, no mínimo, estranhas. Uma pessoa na linha afirma que o próprio servidor ou um parente tem precatórios ou benefícios atrasados a receber.

A pessoa demonstra pressa: cita o nome de uma associação, um sindicato ou um escritório famoso e passa o número de uma conta para efetuar depósitos e dar início ao recebimento dos valores.

Trata-se de um golpe.

Nunca efetue depósitos adiantados. Uma vez depositado, o valor é sacado e o golpe está concluído. As contas em questão geralmente são “emprestadas” ou invadidas. Devido ao excessivo sigilo bancário existente, esses golpes ficam facilmente impunes.

O que fazer nessas situações?

Se realmente parecer algo legítimo, pelo peça um telefone fixo para retornar. Veja se a instituição tem um site e se nele diz algo. Faça uma visita a sede física. Converse com o suposto beneficiário (se não for você mesmo) e com alguém de confiança.

Caso tenha certeza que seja um golpe, diga que irá retornar mais tarde e bloqueie o número. Entre em contato com a emergência da polícia para informações (disque 190). Considere fazer uma denúncia formal no site da Polícia Civil principalmente se tiver o número e o nome do titular da conta, para providências.

Conte com a IBRADAT

Em quaisquer situações que levante dúvidas, entre em contato conosco. O fato ser analisado juntamente ao escritório jurídico. Forneceremos instruções para lidar com caso a caso.

Repasse essa informação para seus parentes

Os parentes mais próximos e mais idosos são os alvos preferidos dos golpistas. Avisos que se proposta semelhante ocorrer que entra em contato imediatamente com vocês.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*